Reversão da Vasectomia

A vasectomia pode ser revertida cirurgicamente. Na escolha da reversão, com  o objetivo de buscar a gravidez, fatores devem ser avaliados:

 

A idade da companheira, mulheres com idade acima de 36 anos apresentam uma diminuição na qualidade dos seus óvulos;

 

A presença de algum fator na mulher que possa dificultar a gestação, como: endometriose, alterações nas trompas, a presença de Síndrome de ovários micropolicísticos, o tempo que decorreu da realização da vasectomia.

 

A utilização de técnicas de micro-cirurgia propiciam os melhores resultados.

 

As taxas de gravidez após um ano de reversão, quando a reversão ocorre com menos de dez anos da cirurgia,  podem chegar em torno de 60% em casais em que as mulheres tenham menos de 36 anos e não existam outros fatores de infertilidade. No entanto, essas taxas diminuem para cerca de  30% quando a reversão é realizada após 10 anos do procedimento.